Individualização de água: como funciona e quais são os benefícios para o condomínio?

Quem mora em condomínio sabe que vários fatores podem levar ao aumento da taxa mensal, mas reduzi-la é sempre prioridade.

Seu prédio tem planos de individualização de água? Então saiba exatamente o que essa mudança pode significar para o seu condomínio, como irá funcionar e quais os principais benefícios para o seu bolso no fim do mês.

O que é a individualização dos hidrômetros em condomínios?

A individualização de água nada mais é que instalar um equipamento que mede individualmente o quanto cada apartamento consome de água. Com isso cada morador paga apenas aquilo que consumiu durante o mês.

Sem o hidrômetro é impossível fazer a individualização da água e todos acabam pagando uma pelo uso de todos no condomínio, não considerando quem gasta mais ou menos, sendo injusto com aqueles que economizam água.

Quais as vantagens da individualização de água?

Uma das principais vantagens é a economia gerada, afinal, todos passam a sentir no bolso aquilo que gastam.

Algumas pesquisas indicam que a economia pode atingir até 50%, número importante quando consideramos a falta de água que muitos lugares enfrentam. Os condôminos também passam a controlar melhor aquilo que gastam e pagam.

Além disso, a inadimplência também é reduzida, com isso outra vantagem é repassada ao condomínio, pois com a redução na inadimplência reduz-se também os gastos para cobrir os valores dos devedores.

Mas por que diminui o número de inadimplentes? Os inadimplentes ficam inseguros, pois com a individualização de água a unidade devedora pode ter sua água cortada sem que os outros apartamentos sejam afetados.

Outro benefício para todos é que como o consumo de água de cada apartamento é monitorado, fica mais fácil detectar vazamentos. Também fica mais difícil fraudar o sistema com os famosos gatos, pois as unidades são monitoradas e qualquer redução ou aumento brusco no consumo é analisado.

Como funciona a individualização de água?

Basicamente existem dois sistemas, o digital – de simples instalação, consiste na instalação de um hidrômetro na entrada de cada unidade, os valores são armazenados em um computador e em uma central. Um sistema fará o rateio e a medição exata do consumo.

A única desvantagem é que prédios antigos necessitam de adaptações, mas o cálculo é preciso e sem erro.

Outro sistema é o de radiofrequência, esse é um método considerado seguro e muito preciso que dispensa a instalação de cabos e centrais de computadores.

Um aparelho radiotransmissor é acoplado ao hidrômetro. Assim o aparelho transmite o consumo via rádio e um funcionário treinado do condomínio ou da empresa realiza a coleta dos dados com um aparelho específico.

O seu prédio realiza a individualização da água? Agora que você já sabe as vantagens e como funciona a instalação dos hidrômetros, veja como funciona no seu prédio e fique por dentro de todos os assuntos para entender bem a sua taxa de condomínio.

 

Fonte: Condo Brasil

0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lumen Administradora

A Lumen Administradora considera o cliente em primeiro lugar e, em todas as suas atitudes, prima pelo bom atendimento e pela preservação dos valores e princípios que sempre orientaram sua trajetória de crescimento.