Como montar um isolamento acústico

As construções mais antigas tinham paredes mais resistentes e, consequentemente, um excelente isolamento acústico. Porém, para reduzir custos e ganhar mais espaço algumas construtoras começaram a usufruir de divisórias mais finas e ocas, deixando o caminho livre para barulhos e causando muito incômodo aos moradores.

Aproveitando que esse mês comemora-se o Dia do Rock, pensamos naqueles vizinhos artistas que tocam bateria, violão, guitarra, entre outros instrumentos e resolvemos dar algumas dicas para montar um isolamento acústico dentro de casa. Dessa forma, eles podem tocar a vontade sem ter que pausar o ensaio para atender à condôminos irritados com o som. Confira abaixo!

Diversos materiais e componentes podem garantir sua casa silenciosa e estes já devem ser pensados no momento da construção do imóvel. Alguns exemplos de elementos que impedem os ruídos são paredes espessas ou com mantas de isolamento no seu interior, vidros duplos, portas e janelas com boa vedação, entre outros.

 

1) Portas e janelas bem vedadas

Esse princípio é básico: onde entra ar, entra som. Por isso, para diminuir a entrada e saída de barulho, uma solução é trocar portas e janelas por caixilhos acústicos feitos normalmente de PVC ou alumínio, e compostos por vidros duplos ou triplos. Essas janelas costumam ter um preço elevado então, pesquise bem antes de comprar.

Outro ponto a ser observado é se a construtora te entregou o imóvel com portas de madeira compensada oca. Se isso ocorreu, vale trocar pelo menos a da frente por uma de madeira maciça que além de ser melhor para a acústica, é melhor para a sua segurança.

Se a grana estiver muito curta e não der para fazer essas mudanças no momento, invista em  persianas em forma de rolo e cortinas com um tecido grosso, tipo linho ou veludo.

 

2) Quando o barulho passa pela parede

Como já falamos anteriormente, hoje em dia é muito comum a utilização de drywall nos imóveis, o que não é suficiente para barrar o som. Por isso, uma boa solução quando o som atravessa as paredes é a implantação de materiais como placas de lãs de rocha, revestimentos especiais, painéis de madeira, revestimento de gesso acartonado ou, até mesmo, tapeçarias.

 

3) O ruído que vem do piso

Ninguém merece ouvir “toc toc” de sapato e patinhas de cachorro na cabeça, não é mesmo? Por isso, a escolha do piso deve ser bem calculada. Pisos frios, como porcelanato, provocam muito eco. O revestimento que melhor isola o som é o mais denso, como carpetes, tacos de madeira, mármores ou pisos vinílicos.

Além disso, também podem ser usados tapetes bem felpudos. Estes, além de ajudarem a reter o som, ainda são um excelente item de decoração.

 

4) Isolamento acústico residencial com forro

Se você mora em um apartamento e quer fazer um isolamento acústico, mesmo que ele tenha laje, a solução é usar forros acústicos. Há diversos tipos com diferentes acabamentos. Os mais comuns são os tipos de fibra mineral modular.

 

5) Paisagismo como barreira

Vegetação densa e de de diferentes alturas pode funcionar como uma barreira acústica. Em apartamentos, a estratégia são os jardins verticais que podem atenuar os ruídos. Mas lembre-se, não é qualquer arbusto que dá conta do recado e plantas exigem cuidados e manutenção.

 

É isso, esperamos que vocês tenham curtido as nossas dicas de hoje! Coloque-as em prática e marque seus vizinhos nos comentários para que ninguém mais tenha incômodos com excesso de barulho. Porém, não esqueça que o isolamento acústico é um conjunto! Não adianta melhorar o som que passa pelas paredes e deixar as janelas antigas.

 

0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Lumen Administradora

A Lumen Administradora considera o cliente em primeiro lugar e, em todas as suas atitudes, prima pelo bom atendimento e pela preservação dos valores e princípios que sempre orientaram sua trajetória de crescimento.